segunda-feira, 16 de outubro de 2017

INTERVENÇÃO DOS MILITARES NO BRASIL




  Como era a vida no Brasil na época da ditadura nos anos de 1964 a 1985? Para responder a essa pergunta temos que interrogar as pessoas daquela época quais sejam, pessoas com 70 anos ou mais e os avós.
Perguntem se eles tinham liberdade; se podiam ir onde quisessem; se tinham segurança; se podiam sair de casa de dia e a noite sem serem assaltados; se podiam sentar nas portas das casas ou nas praças para bater um papinho com os amigos, sem medo de serem assaltados; se sentiam medo de serem molestados e roubados em suas próprias casas; se conheceram alguma pessoa que sendo trabalhadora, correta e honesta foi presa pelo DOPS. As pessoas de bem nada tinham a temer. Pergunte ainda se havia bandidos condenados, soltos nas ruas continuando seus atos criminosos; pergunte enfim, se era bom ou mal esse tempo e a situação das pessoas e do país, se havia ordem, paz e respeito ou se havia tudo o que vem acontecendo atualmente de ruim e lamentável no país.
A Constituição          Brasileira no seu parágrafo único do Artigo 1º reza que todo o poder emana do povo, e no Artigo 142 da mesma Constituição, define o que as Forças Armadas devem fazer no caso em que se encontra em completa falência os poderes constituídos do país.
Há chances reais de uma nova intervenção militar no Brasil? Em virtude dessa calamidade instalada no Executivo, no Legislativo e no Judiciário que se rebaixou na sua autoridade e delegou à Câmara dos Deputados, a função de julgar seus próprios membros, o que é inadmissível, esperamos que as forças armadas tomem conta do poder do país, a fim de acabar com essa situação insustentável de corrupção e impunidade que grassa em todos os poderes, para resguardar a sociedade e o Brasil.
Os militares servem a Nação e a sociedade (povo). Exatamente neste ponto reside a questão crucial para o Brasil de hoje, que tem sua segurança, soberania e ordem ameaçadas pelo governo do crime organizado que se instalou nos órgãos dirigentes da Nação e que rompe com a moralidade e corrompe as instituições nos três poderes. Cabe considerar que a segurança a ordem e a defesa civil podem ser enfocadas a partir do cidadão, da sociedade (povo), e do Estado.
A corrupção só tomou conta do Brasil por um motivo: Os que deveriam puni-la faziam parte dela. Essa situação se agravou com o PT, os governos mais corruptos na história da Humanidade. O bispo Dom Celso Antônio Marchiori, em seu sermão,  manda que todos os religiosos tenham cuidado com a Rede Globo que está manipulando as pessoas e oferecendo em suas novelas, tudo o que não presta e dando apoio a esse estado de desespero para as famílias brasileiras. A Ordem dos Médicos do Brasil está no grupo de apoio ao general Mourão, ao general Vilas Boas e outros, e pedem que os militares salvem o Brasil, para voltar a “Ordem e o Progresso” e a paz da família brasileira, ordeira e pacífica.
Por esses motivos expostos, eu, cidadão brasileiro, com 86 anos de idade, para me defender e aos meus filhos e netos, sou  obrigado a pedir, a implorar, que os militares deem um basta nessa situação e assumam o poder no Brasil que está corrompido, para restaurarem a “Ordem e o Progresso”, a moralidade, a liberdade e o direito dos cidadãos que hoje vivem enjaulados, enquanto os corruptos e corruptores, os ladrões e assassinos andam livremente desafiando os direitos dos cidadãos e até debochando da própria Polícia.
Consta na Internet que já existe um Comando Revolucionário das Forças Intervencionistas que vem se reunindo para tratar da viabilidade da tomada do poder no Brasil, e também algumas entidades estão convidando o povo em geral para participar na Avenida Paulista na capital de São Paulo, de uma grande manifestação no dia 15/11//2017, e em outras capitais, pois os militares precisam da nossa manifestação e nesse dia vai se iniciar a hora da faxina, e posteriormente o  governo dos militares.  SALVEM O BRASIL DOS CORRUPTOS E DOS CORRUPTORES, DOS LADRÕES E DOS ASSASSINOS E AINDA, DOS COMUNISTAS !!!!!
Fonte:
Internet
+ Acréscimos

Jc.
ortsac1331@gmail.com
São Luís, 15/10/2017

terça-feira, 10 de outubro de 2017

UMA QUESTÃO DE DIREITO, LEIS, JUSTIÇA E CONSCIÊNCIA





   Direito * s.f. – Que segue ou se estende em linha reta. Aquilo que é justo, reto e conforme a lei. Conjunto de leis ou normas que regulam as relações dos seres humanos na sociedade;

Leis * s.f. – Norma de direito tornada obrigatória pela força coercitiva do Estado; prescrição emanada de autoridade soberana; conjunto de normas elaboradas e votadas pelo Poder Legislativo do Estado; Constituição;

Justiça * s.f. – Virtude que inspira o respeito dos direitos de outrem, concedendo o que é justo e fazendo dar a cada um o que é seu; faculdade de premiar ou punir segundo o direito;

Consciência * s.f. -  Sentimento do que se passa em nós mesmos, percepção do que se quer, do que se faz, do que se diz; julgamento íntimo pelo qual a alma aprova as boas ações e condena as más; apego aos princípios da honra, da probidade; ser humano de consciência.
          
*  (Dicionário Ilustrado da Língua Portuguesa da Academia Brasileira de Letras)

Temos visto sempre na televisão que os órgãos de repressão (Polícias), monitoram, acompanham e planejam ações para combater os criminosos e as quadrilhas organizadas, arriscando muitas vezes às vidas dos seus membros, para não só retirar do convívio da sociedade, esses elementos nocivos que se comprazem em fazer o mal e prejudicar as pessoas, e também para dar maior tranquilidade e segurança ao povo sofrido e trabalhador. Temos visto também que ultimamente os advogados e magistrados amparados em pequenos erros e pequenas minúcias do processo criminal, soltam esses criminosos, (que por justiça, deveriam ser punidos com rigor)   numa atitude que não corresponde aos anseios da sociedade. E, uma das alegações que os advogados estão apresentando  é que esses criminosos não foram presos em flagrante  e que ainda não foram julgados culpados dos crimes de que são acusados, apesar de todas as provas apresentadas, e por isso não podem ficar presos, (até que seja julgado em última instância) pela justiça, principalmente os que possuem bons advogados.

Em razão dessa situação, os criminosos presos por não terem sido ainda julgados ou condenados, ficam em liberdade para continuarem suas ações criminosas, enquanto as pessoas de bem, trabalhadoras, ficam a mercê e expostos aos criminosos que debocham das polícias, das leis, do direito, da justiça e de alguns magistrados que, não sabemos por que, continuam a liberar esses marginais em detrimento da sociedade que lhes garantem as funções e as mordomias.  Por esse motivo e por essa situação, a população vive insegura, apavorada e se enjaula (ao ver os criminosos soltos por qualquer artimanha jurídica, usadas por advogados sem muita consciência) e suplica à Justiça Divina, que lhe ampare e aos seus familiares, para poder continuar vivendo, trabalhando e com a esperança de que essa situação venha a ter um fim algum dia.

Alguma coisa está errada nesse assunto e precisa ser corrigido. Ou é o direito que não está sendo aplicado de conformidade com o que é justo; ou são as leis que precisam ser modificadas urgentemente; ou a justiça que não está julgando e punindo os culpados, ao dar a cada um, o que merece; ou os juízes não estão condenando de acordo com a sua consciência e as leis, os maus atos praticados, ás vezes com maldade, pelos infratores das leis.

Não tenho conhecimento do código penal, das leis vigentes neste nosso querido Brasil, dos meandros da justiça, porém a minha consciência me alerta para o que é certo e errado, e me diz que criminosos em liberdade, por excesso de presos nas cadeias e penitenciárias, e a população presa em jaulas para se proteger dessa situação calamitosa, não parece ser a situação normal ou ideal para a grande maioria da população. Ainda temos a tal de “Lei dos Direitos Humanos”, que só serve para lembrar e cobrar os direitos dos que praticam atos delituosos, esquecendo-se daqueles que são as vítimas e dos seus familiares que sofrem todas as suas consequências, sem nenhum amparo legal no Brasil.

Não devemos aceitar nem nos acomodar com essa situação,  
pois a grande maioria da população é ordeira, e trabalha para que o nosso país possa ser um país de paz, de harmonia e de fraternidade.  Há algum tempo venho escrevendo aos Ministros de Justiça, dando uma opinião sobre o problema das penitenciárias, que deveriam ser construídas distantes das cidades, a fim de não possibilitar o que vêm acontecendo ultimamente, em que os criminosos que estão presos, como se estivessem hospedados (e sustentados pela sociedade que agridem) e de lá, dando as ordens para as atrocidades e crimes que se verificam no dia a dia. Algumas providências devem ser tomadas para que essa situação em que vive o povo brasileiro seja modificada trazendo a tão sonhada paz para todos. Não devemos aceitar nem nos acomodar passivamente, com essa anormalidade que se verifica atualmente, não só para nossa segurança como também para a tranquilidade dos nossos filhos e netos. A Polícia está agindo certo, as leis existentes e os juízes é que não estão em sintonia com ela.

A melhor atitude para normalizar essa situação é amparar a juventude de hoje, incutindo-lhes bons valores morais para que, em alguns anos, possamos melhorar a sociedade com bons cidadãos, como antigamente.

Este é o protesto de um cidadão de 86 anos que relembra com saudades, dos bons tempos em que vivíamos em paz e podíamos andar nas ruas a qualquer hora, que pede a Deus que tenha pena deste tão sofrido e sacrificado povo que habita as terras do Cruzeiro.
                                                                                                     

OBS: Mais informações sobre o assunto, podem ser encontradas nos artigos: “Brasília”, “Carta aberta aos senhores representantes da sociedade”,
 “O Estado é Cúmplice”, disponíveis no blog:         http://ortsac13.blogspot.com                                 


Jc.
S.Luis, 03/03/2010
Refeito em 8/9/2017
                                                                                           



O ROCK IN RIO DE 2017




   Mais um festival de rock se vai, deixando mensagens no ar. Mas quem quiser decifrá-las  para entender, afinal, o que é que muda o mundo, poderá se assustar: mantidas as tendências atuais, logo o rock’n’roll estará servindo para protesto contra a guerra e em defesa da pílula anticoncepcional. Será que o mundo está mudando de marcha á ré? Foi comovente ver aquelas bandas brasileiras caricaturando o passado que nunca tiveram, soltando brados heroicos contra o governo e a política nacional. Se tivessem gritado com a metade desse entusiasmo nos 13 anos de rapinagem do PT... Bem, não teria acontecido nada, porque esses rebeldes não fazem mal a ninguém. A rebeldia empalhada do Rock in Rio não se lembrou de Luiz Inácio Lula da Silva, o comandante do maior assalto da história republicana no Brasil.
Em um país mais ou menos saudável, os acordes mais do que ensurdecedores do mensalão, do petrolão e das revelações obscenas da Operação Lava Jato imporiam, sobre outro ou qualquer som, o brado pela prisão de Lula. No entanto, o heptarreu (já condenado em um dos processos) não inspira os revolucionários da tirolesa. É a onda purificadora mais poluída da história da rebeldia cívica. No embalo do bordão “fora Temer”, que virou até brinco no festival, os intelectuais de porta de assembleia resolveram classificar o impeachment da senhora Dilma Rousseff (que também está solta) como a mera substituição de uma quadrilha por outra. Não, companheiros da limpeza. Não foi isso o que aconteceu.
Notícia em primeira mão para vocês que estão chegando de woodstock:  A Petrobrás, maior empresa nacional, jogada na lona pelo estrupo petista, foi saneada e reerguida  no espaço inacreditável de um ano. A mesma transfusão de gestão veio a acontecer no Banco Central, no Tesouro e nas principais instituições que comandam a economia nacional. Vocês não poderiam saber de nada disso porque estavam assistindo o velho Jimmy Hendrix, mas aí vai: o dólar, os juros, o risco país e a inflação despencaram, também em tempo recorde. Portanto, revolucionários, avisem ao pessoal da limpeza que, no coração do estado brasileiro, não houve aquele dito: a substituição de uma quadrilha por outra. A não ser que a nova quadrilha seja do bem, como fingem que a do Lula foi.
Quem está fazendo esse saneamento da orgia petista na máquina pública, contra tudo e contra todos, senhores metaleiros de playground, é o mordomo! Ele mesmo, um cacique do velho PMDB, que tem de ser investigado  sempre. Mas o que se viu foram denúncias fajutas montadas por um falso justiceiro para fazer política – ou, mais precisamente, retomar o poder central para a turminha do progressismo trans. Em outras palavras, os rebeldes do festival  que pagaram 500 pratas por um ingresso gritavam por uma virada de mesa a favor de quem esfolou o povo. Não o povo imaginário que eles defendem, mas o povo que jamais passará nem na porta do Rock in Rio, muito menos participará de protesto fashion bem  na hora em que o emprego começa a reaparecer e crescer.
Os heróis dos revolucionários de auditório  são personagens como Rodrigo Janot e Wesley Batista, que alegraram a criançada com sua brincadeira de arco e flecha enquanto eles conspiravam com os açougueiros biônicos do PT. Janot e os rebeldes do festival deram à delinquência de Dilma Rousseff uma anistia comovente. A regente do petrolão, com seus E-mails de obstrução à Lava Jato esfregados na cara do país, não mereceu flechadas verdadeiras nem gritinhos da plateia.
O Rock in Rio de 2017 com suas claques colegiais regidas por cantores decadentes – desesperados por um pouco de charme ideológico – sintetizou a covardia fantasiada de bravura: todos passando aquele perfuminho de rebeldia para pertencer a um levante imaginário da esquerda popular contra a direita elitista. A má notícia, senhores perfumados, é que esta barulheira de sentido demagógico vai morrer dentro de sua própria bolha.
 A trilha sonora desse festival de besteira deveria ter sido  cerimoniosamente solicitada ao Roger do “Ultraje a Rigor”:  A GENTE SOMOS INÚTIL!

Fonte:
Revista “Época”- 2/10/2017
Jornalista Guilherme Fiuza
+ Pequenas modificações.

Jc.
São Luís, 8/10/2017

sábado, 30 de setembro de 2017

ALIMENTAÇÃO DOS IDOSOS





   A alimentação de idosos requer cuidados especiais. Conviver com pessoas nas terceiras e quartas idades impõe a necessidade de algumas adaptações no dia-a-dia, e como a alimentação não é diferente, pois o idoso tem limitações e precisa de alimentos que colaborem para a manutenção de sua saúde.
Assim, além de ter cuidado na compra dos alimentos é preciso estar atento para o fato de que geralmente idosos têm mais dificuldades para mastigar e engolir, o que deve ser levado em conta na forma de preparo, na consistência, na textura, no tamanho dos alimentos e na qualidade e quantidade do que será oferecido a eles. Assim, moer, ralar, picar em pedaços menores pode ser alternativas viáveis para evitar problemas como engasgo ou asfixia durante a ingestão dos alimentos.
Preparar alimentação segura para idosos inclui ainda planejar as refeições e utilizar medidas corretas durante o preparo dos alimentos, e até permitir que eles (idosos) manifestem suas preferências para o almoço ou o jantar. Se não houver restrições médicas, por que não atendê-los?
Como regra geral, há algumas orientações que devem ser seguidas até mesmo no caso da alimentação de idosos que não apresentem grandes problemas de saúde, e que favorecem a montagem de um cardápio saudável para qualquer idade:
- Dar preferência a alimentos menos gordurosos e optar por  leite e derivados com menor teor de gordura; remover as gorduras visíveis das carnes e usar óleos vegetais para cozinhar os alimentos.
- Não abusar da adição do açúcar, sal e pimenta, nem do uso de enlatados, embutidos e doces.
- É importante também não acrescentar muita água ao cozimento e evitar que os alimentos permaneçam cozinhando por muito tempo, o que poderia levar à perda de nutrientes.
- Incentivar preparações com cereais integrais ou o uso de produtos feitos com farinha integral como pães, bolos, etc.
- Outros alimentos ricos em fibras como frutas, legumes e verduras devem ser utilizados no cardápio. As frutas podem ser variadas e constituídas em uma salada muito agradável que pode substituir o jantar, tanto para os idosos como para outras pessoas.
- Sempre planejar a alimentação do idoso da forma que ele goste e tenha três refeições básicas (desjejum, almoço e jantar), podendo ser intercalado com pequenos lanches se assim o desejar o idoso.
- Esta distribuição estimula o funcionamento do intestino e evita que o idoso fique a comer fora de hora.
O mais importante sobre tudo isso é;
-  A dedicação e o amor que devemos prestar àqueles que nos deram a existência, que nos permitirá fazermos a nossa evolução espiritual;
-  A atenção que devemos dispensar ao idoso, assistindo-o nas suas necessidades, como ele assistiu aos seus filhos quando pequenos e dependentes;
-  O respeito que devemos a ele pelos exemplos de lições de vida; dignidade, honestidade, trabalho, consideração aos semelhantes, fraternidade e caridade aos que delas precisaram...
-  Devemos agradecer a Deus por proporcionar a nós, os filhos, termos pais idosos, para seguirmos os seus exemplos de dedicação, abnegação, proteção e amor durante a nossa existência terrena.
- Sempre serão felizes todos aqueles filhos agradecidos e responsáveis que se tornaram pais e avôs...

Fonte:
Jornal Vitalidade – 8/2017
+ Acréscimos.

Jc.
São Luís, 14/8/2017

ALGUMAS CURIOSIDADES





  As pessoas chamadas surdas-mudas de nascença são, na verdade, apenas surdas. Como não conseguem ouvir o som das palavras proferidas pelas pessoas, só aprendem a falar, através de métodos especiais.
A lenda do “Santo Gral”, cálice usado por Jesus na Última Ceia, conta que José de Arimatéia o teria guardado e nele colocado o sangue que escorreu de Jesus na cruz.
A maior ilha fluvial do mundo é a ilha do Bananal, no Rio Araguaia, em Goiás, com cerca de 20 mil quilômetros de área.
Em 1825, Portugal reconhece oficialmente a Independência do Brasil, mediante o pagamento de uma indenização no valor de 2 milhões de lira esterlina.
José Bonifácio de Andrada e Silva foi um dos mais famosos maçons, tendo papel decisivo para a Independência do Brasil.
No ano 100 da chamada Era Cristã, o pergaminho já existia, entretanto só no século IX foi fabricado o primeiro livro em papel.
No passado, quem fazia o trabalho de dentistas eram os barbeiros.
O almirante inglês Alexander Cochrane foi o primeiro comandante da Marinha de Guerra Brasileira, designado em 1823 por ordem do então Imperador D. Pedro I.
O Brasil foi o segundo país do mundo a emitir selos. Em 1843, por determinação de D. Pedro II, começou a circular o selo “olho de boi”.
O Dia da Mulher é comemorado em 8 de março, em homenagem às 129 mulheres, operárias mortas nas reivindicações de 1908, por ordem dos patrões e da polícia.
Os menores países do mundo são: Vaticano (0,44 km2); Nauru (22 km2); Mônaco (1,89 km2); e San Marino (60,5 km2).
O tecido Nylon foi assim batizado em homenagem a New York e Londres.
Para equilibrar os nutrientes do seu organismo, uma vez por semana, coma uma verdura crua tipo cenoura, beterraba ou pepino.
Santos Dumont inventou o relógio de pulso para poder ver as horas enquanto voava.
Teresina, capital do Estado do Piauí, ganhou esse nome em homenagem à Imperatriz do Brasil, Dª Teresa Cristina.
O calcanhar de Aquiles
Muito se tem falado sobre o calcanhar de Aquiles, porém, poucos sabem  sobre o assunto. Segundo a história, sua mãe Tétis tentou fazê-lo imortal, mergulhando-o no Rio Estige, porém, o deixou vulnerável no seu calcanhar onde ela o segurava. Assim, em determinada batalha pela conquista de Tróia, ele foi atingido por uma flecha disparada por Páris (irmão de Heitor) e guiada por Apolo e foi morto..
Os benefícios da Batata Doce                                                            
1- Promove baixo índice glicêmico,  2- Ajuda a controlar o diabetes
3- Auxilia no emagrecimento,            4- Reduz o colesterol,             
 5- Regula a pressão arterial,             6- Fortalece o sistema imunológico,
 7- É fonte de ferro, cálcio e vit. A,C,e E,   8- Fonte de carboidratos
 9- Auxilia na formação de colágeno  10- Ajuda a prevenir a anemia.

A LIÇÃO DO LÁPIS
O menino observava o seu avô escrevendo em um caderno, e perguntou: - Vovô, você está escrevendo algo sobre mim? O avô sorriu, e disse ao netinho: Sim, estou escrevendo algo sobre você. Entretanto, mais importante do que as palavras que estou escrevendo, é o lápis que estou usando. Espero que você seja como ele, quando crescer. O menino olhou para o lápis, e não vendo nada de especial, intrigado, comentou: - Mas este lápis é igual a todos os outros que eu já vi. O que ele tem de tão especial? – Bem, depende do modo como você olha. Há cinco qualidades nele que, se você conseguir vivê-la, será uma pessoa de bem e em paz com o mundo – respondeu o avô. 
Primeira qualidade: Assim como o lápis, você pode fazer grandiosas coisas, mas nunca se esqueça de que existe uma “mão” que guia os seus passos, e que sem ela o lápis não tem qualquer utilidade: A mão de Deus.
Segunda qualidade: Assim como o lápis, de vez em quando  você vai ter que parar o que está escrevendo, e usar um “apontador”. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, mas ao final, ele se torna mais afiado. Portanto, saiba suportar as adversidades da existência, porque elas farão de você uma pessoa mais forte e melhor.
Terceira qualidade: Assim como o lápis, permita que se apague o que está errado. Entenda que corrigir uma coisa que fizemos não é sempre algo mau, mas algo importante para nos trazer de volta ao caminho certo.
Quarta qualidade: Assim como o lápis, o que realmente importa não é a madeira ou a sua foram exterior, mas o grafite que está dentro dele. Portanto, sempre cuide daquilo que acontece dentro de você. O seu caráter será sempre mais importante que a sua aparência.
Finalmente, a quinta qualidade do lápis. Ele sempre deixa uma marca. Da mesma maneira, saiba que tudo que você fizer na vida deixará traços e marcas nas vidas das pessoas, portanto, procure ser consciente de cada ação, deixando um legado, e marcando positivamente a vida das pessoas. Afinal, nós temos este momento, o dia de hoje, e ainda, a existência...

A cúpula da Catedral de Santo Isaac na Rússia é revestida de outo puro.
A Guiana Francesa é o único local da América do Sul onde a moeda oficial é o euro.
A primeira bandeira da República do Brasil durou apenas quatro dias.
Um espirro espalha cerca de 40.000 gotículas infecciosas.
“A dúvida é o princípio da sabedoria”      ( Aristóteles)
“Não corrigir nossas falhas é o mesmo que cometer novos erros” 
     Confúcio
“O único lugar aonde o sucesso vem antes do trabalho, é no dicionário”  
     Einstein
Marion Robert Morrison era o nome do astro: John Wayne.
Alexandre Gustave Eiffel participou da construção da “Torre Eiffel” em Paris e da “Estátua da Liberdade” em Nova York.
O que mais me atrai nos animais, é que eles não usam palavras... Eles usam os sentimentos!                                                               
     Chico Xavier
As cebolas fazem bem ao coração. Elas baixam o colesterol e a pressão sanguínea, afinam o sangue e reduzem o entupimento das artérias e o risco de câncer. Há séculos é um tratamento para diabetes cosida / crua.
O sol da meia noite é um fenômeno que ocorre perto dos polos, quando o sol não se põe durante 24 horas. Isso acontece porque a inclinação do eixo da Terra em relação a sua órbita faz com que o sol incida sobre os polos, em posições que se alteram de 6 em 6 meses.
Inventores e seus inventos: Alessandro Volta - Bateria Elétrica;  David Missel - Lanterna Elétrica; Emile Cohl – Desenho Animado; Henry Maudslay – Torno Mecânico;  Rudolf Diesel – Motor a Diesel; Zacarias Jansen – Microscópio; Santos Dumont – Relógio de Pulso.
Todos os fatos têm três versões:  A sua, a minha, e a verdadeira.
“Sofremos muito com o pouco que nos falta e gozamos pouco o muito que temos.” 
                       William Shakespeare
“O maior bem que se pode fazer a uma semente é enterrá-la.”
      Augusto Cury
“Escrever é fácil. Você começa com uma letra maiúscula e termina com um  ponto final. No meio você coloca as ideias.”                                                                 
      Pablo Neruda
“Não importa o quanto uma pessoa é boa; ela vai feri-lo de vez em quando  e você precisa perdoá-la por isso”.        
      William Shakespeare
“A inteligência é o farol que nos guia, mas é a vontade que nos faz andar”.
      Érico Veríssimo                                                                           
===
 Lance seu olhar para o infinito e, mesmo que as nuvens ou as lágrimas não lhe permitam ver as estrelas, diga como quem tem certeza:
Sou herdeiro das estrelas porque sou filho do Senhor,
Cultivo sonhos de beleza, na grandeza do Amor.

Com as estrelas eu sempre sonho e nelas vejo brilhar,   
A viva esperança de um dia, junto a elas poder estar.
Ver coisas tão sublimes da pátria espiritual,
Morada verdadeira do Espírito imortal.

Não importa o quanto espere,
Eu sei que não vou perdê-las,
Pois sou filho do Senhor,
E herdeiro das estrelas...
                               
Que Deus nos livre da falsidade;                                  
Da inveja por trás de um sorriso,                                                               
Do ódio disfarçado de amizade
Da maldade imitando a bondade.                                            
    Autor Desconhecido


O  CÍRCULO  DO  ÓDIO
1 O diretor de uma empresa gritou com seu gerente porque estava irritadíssimo;
2 o gerente, chegando em casa, gritou com sua esposa, acusando-a de gastar demais;
3 a esposa, nervosa, gritou com a empregada, que acabou deixando um prato cair no chão;
4 a empregada chutou o cachorrinho no qual tropeçara, enquanto limpava os cacos de vidro;
5 o cachorrinho saiu correndo de casa e mordeu uma senhora que passava pela rua;
6 a senhora foi à farmácia para fazer um curativo e tomar uma vacina. Ela gritou com o farmacêutico porque a vacina doeu ao ser aplicada; 
7 o farmacêutico, ao chegar em casa, gritou com a esposa porque o jantar não estava do seu agrado;
8 a esposa afagou seus cabelos e o beijou, dizendo: - Querido! Prometo que amanhã farei seu prato favorito. Você trabalha muito. Está cansado e precisa de uma boa noite de repouso Vou trocar os lençóis da nossa cama por outros limpos e cheirosos para que durma tranquilo. Amanhã você vai se sentir melhor.  Ela então se retirou e deixou-o sozinho com seus pensamentos...
9 Nesse momento rompeu-se o Círculo do Ódio. Esbarrou, ele, na tolerância, na doçura, no perdão e no amor. Se você está no Círculo do ódio, lembre-se que ele pode ser quebrado.
Não mude sua natureza. Permaneça tranquilo. Se alguém te faz algum mal, apenas esqueça e siga em frente fazendo o bem. Algumas pessoas buscam a felicidade e não a encontram, enquanto outras a possuem.
Preocupe-se mais com sua consciência do que com a sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e sua reputação, é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam, É PROBLEMA DELES...
     ( Autor desconhecido)
O  CRIMINOSO  E  O CRIME
Há tantas variedades de distúrbios psíquicos quantos de distúrbios  físicos aos quais a medicina rotula com várias denominações.  A origem do mal quer no corpo, quer no Espírito, é a mesma: infração das leis materiais ou espirituais. O ser humano frauda essa lei por ignorância, por fraqueza e, finalmente, pelo impulso de certas paixões que o dominam. Não devemos deixá-lo ao desprezo por isso, pois, em tal caso, se justificaria tratar-se de igual modo os enfermos. Aliás, em épocas remotas, se procedeu assim com relação aos enfermos de moléstias infectuosas. Esses infelizes eram tidos como vítimas da cólera divina e, por isso, eram perseguidos e afastados desapiedadamente pela sociedade.
A ignorância sempre tornou os seres humanos capazes de todas as insânias. Pois é essa mesma ignorância, com referência aos transviados da existência, que gera a repulsa e o ódio contra os delinquentes. Os velhos códigos humanos, tanto civis como religiosos, foram criados nos moldes dessa confusão entre o ato delituoso e o seu agente. Quando Jesus preconizou o – amai os vossos inimigos; fazei o bem aos que vos fazem o mal --  não proclamou somente um preceito altamente humanitário, mas uma sentença profundamente pedagógica  e sábia. A benevolência, contrastando com a agressão é o único processo educativo capaz de corrigir e regenerar o pecador. Com o velho sistema de castigar ou eliminar os que cometem os crimes, nada se logrará de positivo, conforme os fatos atestam.
A medicina jamais pensou na eliminação dos enfermos; toda a sua preocupação está em curar as doenças. Esse deve ser o mesmo processo, em se tratando dos distúrbios que afetam a moral dos indivíduos. É muito fácil encarcerar ou eletrocutar um criminoso; educá-lo é mais difícil, mais trabalhoso, demanda esforço, tempo, e caridade. O Estado manda os criminosos para a prisão e à forca; as religiões remetem os pecadores, que não são de sua grei, para o inferno.  Mas, se a educação é o único processo eficaz, procuremos então empregá-lo, e não este, anticientífico, imoral e cruel. E não suponha que só os criminosos devem ser educados. A obra da educação é obra de evolução, obra religiosa de alta finalidade, é obra  social  em sua  expressão  verdadeira. Eduquem-se a todos, cada  um na sua esfera, até que a educação se transforme, em cada indivíduo, numa autoeducação contínua, ininterrupta. Na educação do Espírito está o senso da vida e a solução de todos os problemas da Humanidade..
O  MUNDO  DE ONTEM  E  DE HOJE                                                                     
Ontem, mães, pais, avós, tios, professores e vizinhos, eram pessoas consideradas e dignas de respeito. Quanto mais próximos ou mais idosos, mais afeto e respeito. Inimaginável era responder á pais, mestres, policiais idosos e autoridades, sem educação. Confiávamos nas pessoas porque eram pais e mães das crianças das ruas, da cidade. Hoje, me deu uma tristeza infinita por tudo o que perdemos; pelo medo no olhar das crianças, jovens e idosos.
Matar os pais, os avós; violentar as crianças, enganar, roubar, sequestrar e matar, tudo virou banalidade de noticiário policial, que são esquecidos, após o intervalo de um comercial. Pagar dívidas em dia é ser bobo; não levar vantagem é ser otário.
O que aconteceu com a humanidade?
Hoje vemos professores surrados em sala de aula, comerciantes ameaçados por bandidos, traficantes vendendo drogas nas portas dos colégios, grades nas janelas e portas de nossas casas, crianças morrendo de fome, ladrões de terno e gravata, assassinos com pouca idade com caras de anjos, pedófilos de cabelos brancos.
Que valores são esses? Quando foi que tudo se modificou?
Cada qual escolhe como quer viver, com a garantia de colher da própria semeadura. Todos, temos o livre arbítrio para escolher, só não devemos esquecer que estamos sujeitos à responsabilidade de assumir as consequências de nossos atos. Uma pesquisa das pessoas nos mostra a escolha que a maioria vem fazendo, e nós, podemos acompanhá-los ou não; a escolha é sempre nossa.
“Ninguém é tão infeliz que não possa produzir alguns pensamentos de bondade, nem tão pobre que não possa distribuir alguns sorrisos e boas palavras com seus companheiros de luta”.  (Emmanuel)
Devemos construir um mundo com solidariedade, fraternidade e o amor como base. Vamos voltar a ser melhores. Se você e eu fizermos a nossa parte, serviremos de exemplo para outras pessoas e poderemos mudar a situação. Vamos então agir nesse sentido...
Que é preciso trabalhar na conquista do pão de cada dia, todos sabemos. Obrigação para cada pessoa, no edifício social, é problema pacífico. Não ignoramos, porém, que muitos dos companheiros  permanecem à margem do caminho, esquecidos na carência, mergulhados na provação, chafurdados na delinquência, agoniados no desespero e penitentes na enfermidade.
Quem  são no mundo, os chamados para lhe prestarem socorro, em nome de Jesus?
Dizem que são os governantes, contudo eles, como sempre, estão inquietos, administrando as verbas. Dizem que são os políticos, entretanto os políticos andam apreensivos na arregimentação dos partidários, estudando interesses e decisões. Dizem que são os cientistas; todavia, os cientistas quase sempre estão concentrados em suas pesquisas, multiplicando indagações e dúvidas infindáveis. Dizem que são os filósofos; mas eles, na maioria das vezes, respiram encarcerados em suas doutrinas, e discussões. Dizem que são os milionários; todavia os milionários comumente sofrem responsabilidades sem conta, fiscalizando posses e haveres. Dizem que são os comerciantes; porém, muitas vezes, eles caminham absorvidos em suas transações e com assuntos de compra e venda. Tão cheios de compromissos vivem na Terra, os governantes, os políticos, os cientistas, os filósofos, os abastados e os negociantes, que serão eles categorizados sempre à conta de filantropos e benfeitores, quando forem vistos fazendo caridade.
Lembra-te de Jesus, quando passou entre os homens cumprindo a Lei de Deus. Em circunstância alguma formulou exigências e apelos aos titulados da Terra. Em todos os lugares e em todos os serviços, Ele e o povo irmanavam-se na execução da solidariedade em nome do Amor Divino. Assim, pois, se lembramos de Jesus com fidelidade, quem deve alimentar os famintos e agasalhar os desabrigados, sossegar os aflitos e controlar os que choram, instruir os ignorantes e apoiar os desfalecentes, antes de qualquer cristão desmemoriado ou inibido, SEREMOS SEMPRE  NÓS MESMOS. . .
O SEGREDO DA JUVENTUDE
Um Anjo da Justiça, na balança do tempo, recebia na Espiritualidade, uma pequena multidão de Espíritos, recém-desencarnados na Terra. Eram pessoas diversas que aguardavam um juízo rápido como introdução a uma mais ampla análise.
Muitos demonstrando sinais de angústia congregavam-se ali, guardando as características das enfermidades que lhes haviam marcado o corpo. Alguns choravam à feição de crianças medrosas, outros se erguiam com imensa dificuldade, arrastando-se, trêmulos... Conduzidos a exame, sob a custódia de benfeitores abnegados, acusavam essa ou aquela diferença para melhor, recebendo cada um, uma ficha explicativa para o início das novas tarefas que os aguardavam no plano Espiritual.
Um fora um psicopata que recobrou a lucidez depois; outro fora um paraplégico recobrando o equilíbrio... Entretanto, os traços das enfermidades perseveravam quase intactos, exigindo, longo tempo para serem devidamente desintegrados. Por último, aproximou-se do Anjo, uma pobre velhinha, humilde e triste. Os cabelos de prata e as rugas que lhe desfiguravam o rosto denunciavam uns oitenta anos de luta física na Terra.
Trazida, contudo, à grande balança, divina surpresa!...  De anotação em anotação, fazia-se a velhinha mais jovem, até que, abençoada pelo sorriso do Anjo, a anciã converteu-se em bela jovem, nos seus vinte anos primaveris. Toda a assembleia vibrou de felicidade, ante o quadro inesquecível. Intrigado, um irmão se achegou ao Anjo e perguntou pela razão da metamorfose. O mentor então pediu a ficha da criatura, para esclarecer a ignorância, e, na folha branca e leve, estava escrito:
Nome -              Leocádia Silva
Profissão -        Educadora
Experiência terrestre -  701.280 horas
Aplicação das horas:
Serviço de assistência para a justa garantia no campo da evolução:
1-   Mocidade laboriosa                       175.200   hrs.
 2-   Magistério digno                               65.700     “
 3-   Alimentação e higiene                      43.800    “
 4-   Atividades religiosas                        41.900    “
 5-   Repouso necessário                       109.500    “

Serviço extra, completamente gratuito, em favor do próximo:
1-  Devotamento aos necessitados             85.100   “
2-  Movimentação fraterna de auxílio          32.840   “
3-  Noites de vigília aos enfermos               33.000   “
4-  Conversação sadia no amparo moral   54.750   “
5-  Variadas tarefas de caridade                 59.490   “
                                                      701.280  Hrs.

Compreendeu? – disse o Anjo, sorridente. E, ante o assombro do irmão, concluiu: - Quem dá o seu próprio tempo a benefício dos outros, não conta tempo na própria idade, no sentido de envelhecer.  Leocádia
cedeu muitas das suas horas disponíveis no socorro aos irmãos necessitados do mundo. Esses dias não lhe pesam, assim, sobre os ombros do Espírito...

O anjo afastou-se para felicitar a heroína, e, contemplando enlevado o semblante radioso do Mensageiro Sublime que presidia à grande reunião, foi então compreendido o motivo pela qual os Anjos do Amor Divino revelam em si a suprema beleza da juventude eterna...
Fonte:
“Contos Desta e de Outra Vida”
Autor:  Irmão X (Espírito)
+ Pequenas Modificações

O   VÔO   DA   ÁGUIA
Na decisão de uma águia, um ensinamento para nós. A águia é a ave que chega a viver até 70 anos. Mas, para isso acontecer, por volta dos 40 anos, ela precisa tomar uma séria e difícil decisão. Nessa idade, suas unhas estão compridas e muito flexíveis; não consegue mais agarrar as presas das quais se alimenta; seu bico, alongado e ainda pontiagudo curva-se; as asas, envelhecidas e já pesadas, em função da espessura das penas, apontam contra o seu peito; voas já é difícil...
Nesse momento crucial de sua existência a águia tem duas alternativas: Não fazer nada e esperar a morte, ou enfrentar o dolorido processo de reforma que se estenderá por cerca de 150 dias. A nossa águia decidiu enfrentar o desafio. Ela voa para o alto de uma montanha e recolhe-se a um ninho existente próximo, no paredão, onde não precisará voar. Ali ela começa a bater com o bico na rocha até conseguir arrancá-lo. Em seguida, a águia espera nascer outro bico com o qual vai arrancar as velhas unhas. Quando as novas unhas nascerem, ela passa a arrancar as velhas penas. Só após cinco meses, com penas novas, ela pode sair para o primeiro vôo de renovação, e assim, viverá por mais outros 30 anos...
OS  DIREITOS  DA  GESTANTE
Por meio das politicas públicas, os seguintes direitos, são assegurados á gestantes;
*O direito á saúde na gravidez com a realização de um pré-natal, um parto e um pós-parto de qualidade;
*Direitos trabalhistas, direitos que regulamentam o vinculo de trabalho da gestante com o patrão ou com a empresa em que está empregada, garantindo a manutenção do emprego;
*Os direitos sociais; atendimento em caixas especiais (em lojas, farmácias e supermercados, prioridade na fila de bancos, acesso à porta da frente de lotações e assentos preferenciais.)
Além disso, a grávida tem direito ao cartão da gestante. Nele, são registradas todas as informações sobre o estado de saúde da mãe, o desenvolvimento da gestação e os resultados dos exames.
É importante levar o cartão da gestante a todas as consultas, verificar se ele esta sendo preenchido corretamente e apresentá-lo aos profissionais de saúde na hora do parto.
MORTOS NA TERRA; VIVOS NA ESPIRTUALIDADE
Bezerra de Menezes diz que, muitos dos que partem para a vida espiritual, finda a existência corporal, costumam ficar presos à matéria. Eles se encontram desencarnados, mas não libertos; invisíveis, mas não ausentes. A oração e a leitura de uma página do Evangelho podem, sem dúvida, ajudá-los na sua nova realidade e readaptação à vida espiritual. “O Evangelho Segundo o Espiritismo” nos fala de Sócrates que, da mesma forma que Jesus, nada escreveu e como Jesus, ele teve a morte dos criminosos. As suas últimas palavras ditas aos seus algozes e juízes, foram: “Ou a morte é uma destruição absoluta, ou ela é a passagem de uma alma para outro lugar. Se ela é apenas uma mudança de morada, que felicidade nela reencontrar aqueles que se conheceu e amamos!”
Nenhum sofrimento na Terra será comparado ao daquele coração que observa outro coração querido, sem vida, em grande silêncio. Entretanto, quando essa provação nos bate à porta, devemos reprimir o desespero e a mágoa, porque sabemos que os chamados “mortos”, são apenas ausentes na Terra, vivendo na Espiritualidade. Essa nova concepção da existência da alma, liberta o ser humano do medo da morte; dando-lhe uma nova compreensão e substitui na mente e no coração das pessoas, o velho temor e a antiga revolta contras as leis naturais de Deus. O discípulo Paulo em sua primeira epístola aos Coríntios, diz: “Planta-se o corruptível nasce o incorruptível; enterra-se o corpo material, nasce a alma espiritual”. Durante séculos, a morte era lembrada com o chamado “luto”, ou seja, até um ano depois do desenlace, a família vestia-se de preto. Quando alguém se encontrava com uma pessoa com tais trajes, se dava lhe os pêsames e rememorava-se a triste situação..
Jesus sempre se referiu à morte como algo natural, como se fora um sono para despertar depois, em uma situação mais feliz; e chama a atenção para a superioridade da alma – o espírito encarnado – que é eterna, sobre o corpo por ela usado em cada existência e abandonado como roupa velha que não lhe serve mais, e completa dizendo: “Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma” – Mateus, C 11:28  Emmánuel dos diz: “Ante os que partiram na grande jornada, não permitas que o desespero tome conta do seu coração. Eles estão vivos e compartilham as suas aflições. Efetua por eles o bem que poderiam fazer e contempla os céus que nos falam da união sem adeus e ouvirás a voz deles no coração a dizer-lhe que caminham felizes, em plena imortalidade, e tenha a certeza de que Deus que nos criou para nos amarmos mutuamente, jamais nos separaria para sempre...”
É essa fé que a Doutrina dos Espíritos ensina e conforta os seus adeptos.
Fontes:
Diversas
Internet
Jornal “O Imortal” -  01/2014
Livro  “Religião dos Espíritos”
+ Pequenas Modificações.

Jc.
São Luís, 25/10/2016
Refeito em 15/9/2017

domingo, 24 de setembro de 2017

CONVITE AOS MILITARES DO BRASIL




  Diante do quadro de improbidade existente nos três poderes da República, da falta de honradez e honestidade dos nossos representantes e dirigentes da Nação, conforme declara Ronaldo Brasileiros (www.ronaldobrasileiro.com.br.); da dívida da JBS no valor de 1.500 bilhões, do Bradesco de 700 milhões, do Banco do Brasil de 500 milhões, da Caixa Econômica de 500 milhões e de outros bancos particulares de 2 bilhões de reais, e de 477 bilhões de outras empresas, para com a Previdência Social, está no Congresso uma reforma em que penalizam os trabalhadores, para cobrir esse rombo monstruoso, prorrogando o sacrifício e tirando os seus direitos a uma aposentadoria irrisória que é proporciona aos que chegaram ao término de uma jornada de trabalho laborioso, e que a cada ano vai diminuindo o valor.
Diante desse quadro de desordem, corrupção e impunidade que existe atualmente, nunca visto antes, deveriam os nossos dirigentes  fazer um plebiscito para saber o que deseja o povo: 1º Se deve  continuar essa situação de desrespeito aos valores morais e exemplos vergonhosos e danosos para o Brasil, com a máscara de democracia; 2º  Se pedimos a intervenção das Forças Armadas para por um fim a essa situação em que os nossos legisladores e os nossos administradores preocupam-se apenas com seus  cargos, suas mordomias e seus patrimônios, sem nenhuma preocupação com o sofrimento do povo e o respeito que a Nação deve ter na comunidade mundial.
Sou um cidadão brasileiro com 86 anos que se preocupa com a sua situação e de sua esposa, seus filhos e netos, e que espera uma providência dos Militares para coibir esse estado de calamidade pública que se instalou no Brasil, para que mereçamos realmente o título de “Brasil, Pátria do Evangelho e Coração do Mundo”, e não um País de corruptos, corruptores e impunidade, como está acontecendo no momento, e que é motivo de indignação para todos os brasileiros que respeitam e amam esta Pátria, cujo lema, na nossa bandeira  é: Ordem e Progresso. Estamos á mercê dos maus elementos que se encastelaram nos poderes da Nação e precisamos que as Forças Armadas tomem uma atitude para debelar esse cancro destruidor que está a fim de acabar com as nossas  esperanças de nos libertarmos dessa situação cruel.
Jc.
São Luís, 24/9/2017